domingo, 28 de outubro de 2007

Resposta a todas as acusações a mim dirigidas.

Depois do que vi neste blogue, um constante maltratar do meu bom nome, tenho a oportunidade de responder a todo este insulto vilipendiante e ultrajante à minha pessoa.
Começaram por referir que duvidavam da minha sanidade mental quando o senhor Melekh Salem que escreve neste blogue refere:"que tenho as minhas dúvidas quanto a razoabilidade e saúde mental d'o senhor doutor, nomeadamente, quando se debruça sobre o debates que envolvam a rosa dos ventos ou os pontos cardeais". Pois bem, quando escrevi o" Norte e Sul: Falsa Questão?" escrevi uma realidade , dura, mas não deixa de ser real. Agora vir para aqui afrontar-me nestes termos é que não, isso não se faz. Porém antes que tornemos este blogue um lavar de roupa suja, acalmarei os meus protestos e passarei a outras questões.
A mesma pessoa criticou ferozmente o meu texto " O Estado em vivemos.". Quanto a essas criticas tenho a dizer que no que diz respeito ao descontentamento das pessoas perante os políticos só uma coisa a fazer, votem em branco, mas votem.
Já às criticas de outro participante, o senhor Apu, que escreve "ainda nos vai meter em trabalhos, com as pessoas e organizações que por aí andam" referindo-se minhas palavras no texto "Norte e Sul: Falsa questão?". Realmente espero que não soframos repercussões até porque não referi nomes.
Por fim, já num tom menos alterado e mais calmo devo responder ao comentário proferido "PS: Anónima que ama o Senhor Doutor, faz-te ao rapaz que ele precisa de uma mulher na vida dele, talvez assim acabe com as teorias da conspiração." No que diz respeito a este comentário devo dizer que eu tenho muitas mulheres na minha vida e que como já referi, o meu primeiro texto neste blogue não é uma teoria da conspiração, é uma realidade . Espero que este blogue não se torne uma espécie de "Tertúlia Cor de Rosa" ou algo parecido em que se fala da vida de cada um ao contrário de se falar no que verdadeiramente interessa que é o panorama nacional e internacional.

P.S: esta sigla significa Post Scriptum, não confundir com um partido político. Já agora dizer ao Apu que temos pena por não aparecer aí no blogue nenhuma mulher a fazer-lhe uma declaração de amor. Isso é só para alguns, os bafejados pela sorte( e que não suplantam o interesse nacional ou internacional pelo seu interesse particular como é feito no texto "Já que não há melhor assunto, fala-se da cimeira UE Rússia")

2 comentários:

Tarek Shalik disse...

Estas pseudo guerras internas tiram credibilidade ao blog...controlem-se!

Anónima que respeita o senhor doutor. disse...

Senhor Doutor, peço desculpa pelo meu comentário (o senhor doutor sabe que era uma brincadeira carinhosa... lol), já que este despertou a atenção dos seus colegas bloguistas... no mau sentido. Sou no entanto, certamente, uma das mulheres da vida do doutor. Substituo o "amo-te" por um "boa sorte para o blogue"... não voltarei a usar este espaço para comentários menos sérios.

P.S. (também não é o partido político)- presumo que o senhor doutor adivinhe quem lhe fala deste lado... de qualquer forma terei opotunidade de o confirmar em breve!